Moinho de Ventos vai passar por reforma

IMG_5149

Reconstruído na gestão do ex-prefeito Manoel da Cruz-Tatá, no ano de 1994, o Moinho de Ventos, principal cartão postal da cidade de Macau, vai passar pela primeira reforma, depois de mais de 20 anos. Ao longo de duas décadas, apenas intervenções para reparos e manutenção da estrutura de madeira foram feitas pela prefeitura.

Edificado numa de área de alta salinidade, o Moinho de Ventos não resistiu ao tempo e hoje com a estrutura metálica comprometida com a corrozão, terá que passar por uma ampla reforma, devendo ser desmontado para reconstrução da estrutura.

O laudo técnico que fez a prefeitura interromper os serviços de manutenção que já haviam sido iniciados para a restauração do monumento foi apresentado pelo engenheiro civil e de segurança do trabalho, Antônio Cosme de Souza. O problema foi detectado após a montagem dos andaimes, quando foi possível fazer uma análise mais real da situação.

“Além da parte da madeira, a estrutura de ferro que sustenta as pétalas do catavento será substituída. O material já foi adquirido pela prefeitura e o serviço ocorrerá normalmente no decorrer do prazo que for necessário para a sua conclusão”, explicou o Secretário Municipal de Gestão e Serviços, responsável também pela pasta de Infraestrutura, Júnior Matias.